terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Animais Fantásticos e Onde Habitam ganha trailer

Nós aqui do Nerdficando já havíamos avisado que em breve veríamos uma nova trilogia para os órfãos do mundo de J. K. Rowling, e a novidade de agora vai dar até água na boca.

O mais novo filme do universo de Harry Potter acaba de ganhar seu primeiro trailer:




Dessa vez a história se passa fora dos portões de Hogwarts e anos antes da chegada de Harry, narrando sobre Newt Scamander, o autor do livro "Animais Fantásticos e Onde Habitam".



Esse livro é usado em Hogwarts como leitura didática, se trata de um catálogo de animais e outras criaturas, com suas definições, onde encontrar, quanto são perigosos e algumas outras curiosidades.

O elenco do filme conta com: Eddie Redmayne (A Teoria de Tudo), Katherine Waterston (Babysitters de Luxo), Collin Farrell (Minority Report), Ezra Miller (As Vantagens de Ser Invisível), entre outros.
Pra quem ficou curioso é só esperar mais um pouquinho, já que o filme estréia só 17 de novembro de 2016

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

[Análise] - O Lobo de Wall Street

Assisti o filme que de novo QUASE rendeu à Leonardo DiCaprio seu primeiro oscar, ele certamente merecia. Sua atuação, como sempre, não deixou nada a desejar assim como quase tudo nesse filme, mas preste atenção, eu disse "quase" tudo.


Já faz um bom tempo que O Lobo de Wall Street estreou nos cinemas e também já faz um tempo considerável que eu assisti, mas ta aí um filme difícil de se escrever a respeito. Sério, esse é com certeza o post que mais demorei pra escrever.

Aliás, falando em demora, fiquem tranquilos que em breve os posts voltarão a  frequência normal.

Mas vamos ao filme.

Assisti esse filme sem o mínimo de background, ou, como gosto de pensar, sem nenhum spoiler, e isso foi determinante para a minha opinião (divergente da maioria das pessoas) ter se formado como se formou.

Como a maioria deve saber, o filme conta a história de Jordan Belfort, um corretor de títulos que logo no início de sua carreira é orientado a seguir uma vida regada a drogas, prostitutas e masturbação e por mais que estranhe tais orientações à primeira vista, rapidamente ele as segue e... pronto, esse é o filme.

Pois bem, como já comentei, nunca tinha ouvido falar desse tal Jordan Belfort, tão pouco sabia que o filme era baseado na biografia de mesmo título escrito pelo próprio. Dessa forma, ao chegar mais ou menos à metade do filme, minha reação foi:
"- Não vai acontecer mais nada?".

Não queria parar na metade mas a cada 10 minutos eu pausava e pensava se realmente valia a pena continuar, cheguei a cogitar de pular direto pro final só pra ver aonde aquilo tudo ia dar, pensei até em procurar na internet porque tanta gente estava falando sobre o tal novo filme do Leonardo Di Caprio.
Não fiz nada disso, simplesmente continuei até o final.

Finalmente acabou e eu, decepcionado, comecei a pensar nos pontos que sempre avalio antes de escrever aqui e cheguei à conclusão que:

1 - A atuação de TODOS os personagens é ótima.
Sério, em nenhum momento eu achei um personagem ruim ou fraco na história, todos eles têm características boas e ruins de seres humanos e isso foi muito bem passado por todos os atores.

2 - A direção é fantástica.
As cenas, os esquadramentos, a intensidade... é tudo muito bem pensado e muito bem executado.

3 - O roteiro é fraco.
Aqui chegamos onde eu queria chegar, o roteiro é fraco.

"Mas Pedro! O filme é exatamente igual o livro!"

Eu sei, mas uma coisa não muda a outra. Simplesmente o filme não tem um clímax, não tem um fio condutor, as coisas simplesmente acontecem, fora o fato de que até esse momento eu nem sabia que o livro existia.

Resolvi dar uma pesquisada sobre o filme para não escrever nenhum absurdo aqui e foi aí que tudo fez sentido. Comecei a ler as resenhas percebi que o filme segue muito bem a história da tal biografia, entendi que o roteirista foi fiel ao livro e assim agradou a todos que queriam uma adaptação daquilo para o cinema e por fim entendi o real motivo do filme ter sido tão comentado e aclamado, além de ter sido muito bem tratado pela crítica.

Resumindo:
Se você sabe quem é Jordan Belfort e quer conhecer bem a história de vida dele, vá em frente, assista o filme e você vai adorar.
Já se você, assim como eu,  nunca ouviu falar desse cara e quer apenas um filme interessante, pare imediatamente e vá assistir outra coisa ou pelo menos dá uma procurada no nome dele na internet para ver se nasce um interesse.

Minha opinião sincera: O filme é uma boa biografia e um filme bem chato.




Nota: 8,0

Direção: Martin Scorsese
Roteiro: Jordan Belfort, Terence Winter
ElencoCristin Milioti, Jake Hoffman, Jean Dujardin, Jonah Hill, Justin Wheelon, Kenneth Choi, Kyle Chandler, Leonardo DiCaprio, Margot Robbie, P.J. Byrne, Rob Reiner
ProduçãoEmma Tillinger Koskoff, Joey McFarland, Leonardo DiCaprio, Martin Scorsese, Riza Aziz
FotografiaRodrigo Prieto
Distribuidora: Paris Filmes
País: EUA

Opinião de outro site/blog: (CineResenhas)

“O Lobo de Wall Street” é um filme alucinado em cada um de seus 180 minutos e o feito do cineasta (Scorsese) em nos fazer emergir na narrativa já o converte em um dos melhores títulos de toda sua filmografia.

domingo, 22 de fevereiro de 2015

[Análise] - Planeta dos macacos - O confronto

   Já faz mais de 3 anos que postei aqui, minha opinião sobre o primeiro filme dessa série que  me convenceu de que é possível repetir uma ideia sendo original e fazendo um ótimo trabalho, desta vez, estou um pouco menos eufórico mas certamente, tão satisfeito quanto.



   Planeta dos macacos - O confronto, se passa 10 anos após o primeiro filme (um dos personagens diz 10 invernos em algum momento do filme) e a sociedade primata evoluiu absurdamente nesse período. Logo no início do filme é possível observar que os macacos já se organizam politicamente e constituem famílias. Enquanto isso a sociedade humana basicamente colapsou, a maioria das cidades foi reduzida a colônias de sobreviventes após a gripe símia, doença contraída por cientistas em laboratório durante o estudo dos primatas. A trama do filme gira em torno da difícil relação entre humanos à beira da extinção e macacos descobrindo os problemas da vida em sociedade.

  No final, o filme nos deixa com aquele gostinho de quero mais, mas desta vez, não sei se teremos um próximo filme.




Nota: 9,0

Direção: Matt Reeves
Roteiro: Amanda Silver, Mark Bomback, Rick Jaffa, Scott Z. Burns
Elenco: Alaine Huntington, Andy Serkis, Angela Kerecz, Christopher Berry, Enrique Murciano, Gary Oldman, J.D. Evermore, Jason Clarke, John L. Armijo, Judy Greer, Karin Konoval, Keir O'Donnell, Keri Russell, Kevin Rankin, Kirk Acevedo, Kodi Smit-McPhee, Larramie Doc Shaw, Lee Ross, Lombardo Boyar, Lucky Johnson, Steven Wiig, Terry Notary, Toby Kebbell
Produção: Amanda Silver, Dylan Clark, Peter Chernin, Rick Jaffa
Fotografia: Michael Seresin
Distribuidora: Fox Film
País: EUA

Opinião de outro site/blog: (Omelete)

(...)Neste novo filme, os roteiristas Mark Bomback, Rick Jaffa e Amanda Silver  aprofundam ainda mais o tema, sem jamais se esquecerem que se trata de um blockbuster  feito para faturar muito no verão do hemisfério norte, um grande filme feito para ser lançado no meio do ano e agradar ao máximo de gente possível. E eles conseguem! Muito também graças ao diretor Matt Reeves, que já havia provado em Cloverfield - Monstro (2008) e Deixe-Me Entrar (2010), que sabe contar uma história cheia de tensão e computação gráfica.

# Compartilhe

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Mais lido (mês)

© Traduzido Por: Template Para Blogspot | Thema Seo Blogger Templates